quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Antes De Ontem

Com o tempo a gente aprende que o tempo não é nada
Passa tempo, mas ainda tem muito por vir
Há vozes que me gritam um silêncio tão cheio de idéias, quando fico no vazio de muitos pensamentos
Elas contam histórias inacabadas, amores quase vividos, falam de gente que gostariam de ter conhecido, de conversas que ficaram para dias que nunca existirão
Um coração que ficou fechado no peito, esperando a felicidade bater e não bateu mais
A gente vai sumindo a cada dia, aos poucos, por mais importante que tu sejas, vai sumir, aos poucos
Certeza invariável é essa vida
Olhar para os lados para seguir em frente, eu sei que é confuso e muitos não conseguem
A gente mesmo, nunca sabe se vai conseguir
Quem tem certeza que vai conseguir, não tenta, porque tentar não é certeza
O que é para a vida inteira é a morte
E eu não tenho certeza, mas estou tentando ter.