domingo, 26 de junho de 2011

26 de Junho

Deixei tudo que te lembrava caminhar pra trás

E as cores que faltavam não procuro mais saber onde estão pintadas

Deixei memórias tão guardadas que eu já não sei mais

Agora o que incomoda é não poder voltar atrás, onde está agora

Quando eu fico acordado sem saber o que sonhar

O meu mundo gira errado e o passado faz voltar

Toda vez que vai embora não esquece de voltar

Toda vez que ela volta chega pronta pra matar

Lá vem ela outra vez, caminhando devagar

Mas pode te alcançar e partir teu coração

Não é difícil perceber o que ela sente por você

Não, não é difícil ver o que ela sente por você

Talvez espere a minha sorte procurar por nós

Espero que tu ouça sempre a minha voz

Tentando te dizer que talvez não queira mais saber

Porque eu já tentei procurar e eu nunca encontrei um sentimento em você

Porque eu já tentei procurar e eu nunca encontrei.