terça-feira, 20 de abril de 2010

Outono

"Tudo vai passar" e "O tempo cura tudo"
Foram frases criadas por pessoas que tinham medo, que queriam convencer a si e aos outros que o amanhã apagaria o ontem, ninguém consegue apagar o passado sem fazer nada, o tempo não é mágico assim.
Marcas fortes, mais fortes que um corte, que a tatuagem, que o fogo, são as marcas que a gente não consegue ver e se não vemos não temos como apagar de forma alguma, essas são as marcas que ficarão pra sempre, marcas que pesam demais e todo mundo carrega.


"Já não me sinto tão mal
Em relação ao que disse pra me manter aqui
Tão longe do teu olhar, sempre a me criticar
E seu eu disser que não dói tanto assim?
Saber que ja não sou
O motivo pra te fazer sorrir
Nem quem segura a tua mão
Quando já não é preciso dizer mais nada

E a vida segue pra mim
Afinal as contas vão chegar
E o meu endereço elas sabem de cor
E você também deve saber
Talvez resolva aparecer
E se eu disser que não dói tanto assim?
Saber que ja não sou
O motivo pra te fazer sorrir
Nem quem segura a tua mão
Quando ja não é preciso dizer que eu não entendo
Não entendo você
Imagine então se nada mais pudesse nos prender
E eu de fato consumisse
Enfim viver como deveria ser." (Depois da Enchente por Gabriel Zander)