terça-feira, 30 de novembro de 2010

Presa

Tem vezes que não é necessário falar nada
Nada de respostas ou explicações
O telefone não precisa tocar
É só deixar esse sentimento transparecer
Para tudo ficar bem
Mas tu és tão adulta
Com tanto orgulho acumulado
Para demonstrar fraqueza e necessidade de dividir um sentimento grande
E fica tudo assim
Essa blindagem impedindo a verdade de sair
Ele precisa a cada dia mais, de verdades
Não sabe brincar de fingir para sempre
E tu anda brincando demais.