quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Com A Cabeça Lá No Alto

Invento meus sonhos, assim não tenho tempo para os pesadelos
Não que isso seja mentir, mentir é o inverso de sonhar, eu sonho o
tempo inteiro e minto só as vezes
Se agora rodo no meu mundo inteiro é por não saber aonde devo andar
Se permaneço com um sorriso é pra tentar mentir pra dor
Os que me fazem companhia nunca preenchem o que me falta
Vejo nos outros tanta força brincando com a melancolia
Nada mudou, foi o tempo que nunca mais passou entre a gente
Me restou sonhar, eu sonho o tempo inteiro e minto que sei esquecer.